San Francisco Maru

Chuuk Lagoon

Micronésia - janeiro de 2017
 

Naufrágios de Chuuk Lagoon

Amagisan Maru, Betty Bomber G4M1, Fujikawa Maru , Fumitzuki Destroyer, Heain Maru, Hoki Maru, I - 169 Submarino ,
Kensho maru,
Kiyosumi Maru, Nippo Maru, Rio de Janeiro Maru, Sankisan Maru, Shinkoku Maru, Yamagiri Maru

Outros naufrágios de Chuuk Lagoon

 
Histórico

O San Francisco Maru foi construído em aço em 1919 como navio misto de três castelos, navegando para a companhia Yamashita Kisen Kaisha Gomei realizou o transporte de matérias primas minerais como: carvão, bauxita e fosfato. Foi vendido seguidas vezes e em 1937 passou a Yamashita Kisen KK, onde prestou poucos serviços pelo seu já mau estágio de conservação.
Era movido por máquinas a vapor de tripla expansão abastecidas por duas caldeiras. Quando a segunda guerra mundial começou, foi requisitado juntamente com outros navios cargueiros e convertido em transporte de cargas militares para as diversas ilhas do pacífico.
 

Em maio de 1943 sofreu danos durante um ataque aéreo por fora Wewak (Papua Nova Guiné) mas foi reparado e voltou a prestar serviço.
O San Francisco Maru chegou a Chuuk em 5 de fevereiro de 1944 e permaneceu ancorado a sudeste da ilha de Dublon mesmo quando seu comboio partiu em 12 de fevereiro.

 
Dimensões: 117 x 11.5 X 11 metros
Tonelagem bruta: 5.831 toneladas
Construção: abril de 1919, Kawasaki Dockyard Co. Ltd., Kobe
Tipo: cargueiro de três castelos - classe Taifuku Maru
Máquinas: 1 vapor tripla expansão, 440 n.h.p. 1 hélice, 11 nós
Armamento: 1 canhões de 75 mm na proa
 

O Ataque

No dia 17 estava ancorado na ilha de Eten, na área de ancoragem da 4ª frota, quando foi atacado por bombardeiros de mergulho, mas segundo informações sobreviveu intacto. No dia 18, foi novamente atacado por aeronaves do USS Yorktown, USS Bunker Hill e do USS Essex, os TBF Avenger deste último, o atingiram a meia-nau com seis bomba de 500 libras. Cinco tripulantes morreram no ataque, as fotos da inteligência americana mostram a popa em chamas, primeira parte a afundar. Foi descoberto inicialmente por Jaques Cousteau em 1969 na posição latitude 7° 21’ 50.6” norte e longitude 151° 54’ 36.7” leste (datun WGS84), mas os mergulhos só se iniciaram em 1973.

     

 
No dia 18 o San Francisco Maru queimava e tinha sua popa afundada
 
Mapas segundo Daniel E. Bailey - World War II Wrecks of Truk Lagoon,
2000 North Valley Diver Publication
 

 

Mergulho - Profundidade: de 46 a 63 metros

O naufrágio está apoiado sobre a quilha mantendo sua integridade mas adernado para bombordo.
Na plataforma da proa está o canhão. Caído no fundo, por fora do casco a bombordo um caminhão, o convés ainda está intacto, com as estivas, guinchos e o mastro, que atinge os 30 metros.
A área da ponte, alojamentos da tripulação contem muitos pratos, garrafas e copos.
No convés principal, logo a frente da superestrutura, existem 3 tanques leves japoneses (Type 95 Ha-Go), um grande caminhão e um rolo compressor sobre a estiva.
No porão 1 existem minas marítimas semi esféricas, recipientes com cordite, caixas de granadas de artilharia e bombas de aeronaves. Grande parte deste material foi trazido para Chuuk em antecipação ao esperado desembarque anfíbios por tropas dos EUA.
Os porões 1 e 2 estão ligados por passagens largas, pois a parede de separação já cedeu.
No porão 2 existem grandes caminhões e material de guerra, que inclui: tambores de combustível, seções de mangueiras, caixas de munição e granadas de artilharia, corpos de torpedo, bombas de aeronaves, cargas de profundidade, motores e conjuntos de rodas de aeronaves.
A sala de máquinas a bombordo apresenta um grande rombo provocado pela explosão de uma das caldeiras.
No porão 4 existem torpedos empilhados, alguns estão fora do lugar, há tanques de ar de alta pressão e muitas cargas de profundidade. Aqui as placas do casco estão separadas e rasgada.
Embora seja um mergulho profundo as condições de Chuuk são muito favoráveis, pois as correntes praticamente não existem e depois de se atingir alta profundidade o retorno pode ser feito em multi nível pelo casario e depois pelo mastro que atinge os 30 metros.
A descompressão necessária a esse tipo de mergulho
pode ser realizada sobre o naufrágio.

San Francisco Maru
Medidas - 117 metros / 5.831 toneladas
Construção - abril de 1939
Afundamento - 18.02.1944

 

 

Croqui do Capt. Lance Higgs S.S. Thorfinn - modificado
 
Canhão de 75 mm na proa - 50 metros
 
Minas semi esféricas no porão 1 - 56 metros
 
Faça seu Curso de Mergulho em Naufrágio com quem se dedica a atividade

Não desperdice seu dinheiro com conhecimentos genéricos


Instrutor: Maurício Carvalho - 30 anos de experiência - Especialidade levada a sério!
 
 
Bombas de aviação no porão 1 - 56 metros
 
Canister de munição - 56 metros
 
Motores de avião no fundo do porão 2 - 56 metros
Caminhões no 2º nível do porão 2 - 52 metros
Caminhões no nível do convés do porão 2 - 50 metros
 
Dois tanques tipo 95 no convés de boreste
ao lado da estiva do porão 2 - 48 metros
Peso: 7,5 toneladas,
Motor: diesel de 6 cil. refrig. a ar
Velocidade: 30 m.p.h. Blindagem: 0,5 pol.
Armamento: 1 canhão (37 mm) e 2 metralhadoras (7 mm)
Tripulação: 3 homen
Tanque tipo 95 no convés de bombordo
ao lado da estiva do porão 2 - 52 metros
 

 

Volta a página de Chuuk Lagoon

Living aboard Odyssey
 
s